domingo, 11 de setembro de 2011

Sally era muito ansiosa, e ingênua. Acreditava em tudo com facilidade, e tinha o incrível poder de perdoar.
Ela também esperava demais das pessoas, que acabavam não se importando tanto com ela. E ela continuava à espera. Se uma pessoa não cumprisse o que falasse, Sally já imaginava milhares de coisas ruins... E ás vezes a pessoa não cumpriu mas tem uma justificativa, e Sally sofreu antecipadamente, á toa.
Um dia ela tem que aprender a conviver sem esperar demais das pessoas, e parar de ver tanta negatividade, pode haver pessoas que a amam, mas apenas podem não demonstrar, ou simplesmente não demonstram da maneira que ela queira...
Sally gosta que as pessoas demonstrem seus sentimentos, ela se sente tão bem quando isso acontece... E muitas pessoas não respeitam os sentimentos da Sally, se ela não gostou de algo, isso se torna divertido, e ela não gosta quando não é divertido pra ela. Principalmente quando brincam com os seus problemas sérios ou ficam falando apenas de seus defeitos, esquecendo as qualidades.


@Pri_S2

Nenhum comentário:

Postar um comentário