terça-feira, 25 de outubro de 2011

Eu estou...

“Tô desertando-me de tudo que me entristece, que machuca e que me fere. Tô destanciando-me também de tudo aquilo que transpira desconfiança, que me desincerta, que me engana. Tô tentando refazer minha vidinha, parar de enganar a mim mesma e começar a crescer por dentro também. Idade já não é o bastante, minha cabeça tem que crescer também. Ela andastes parada no tempo — embora num tempo não favorável a mim mesma — mas que atrasares bastante a eloquente vida minha.”




                       @TePhaa_Reis

Nenhum comentário:

Postar um comentário