quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Compre um bilhete


Certa vez eu vi em um livro uma piada que era mais ou menos assim: um homem pobre ia a igreja todos os dias, durante meses, e rezava diante da estátua de um grande santo implorando: "Querido santo, por favor, por favor, por favor, deixa eu ganhar na loteria."
Finalmente a estátua, irritada, criou vida, olhou para baixo e disse ao homem: "Meu filho,  por favor, por favor, por favor compre um bilhete!"
Então eu pensei: está na hora de começar a comprar alguns bilhetes, ou pelo menos, juntar o dinheiro para comprá-los. Como posso ganhar alguma coisa se não houver ação da minha parte?
Tinha um bilhete que eu ia comprar, mas antes que eu comprasse, meu amigo foi lá e comprou. E você se pergunta: "O bilhete estava premiado?" É isso o que estou tentando descobrir, ele deixou que eu raspasse o bilhete, e eu estou raspando aos poucos, tenho que estar preparada para o resultado final, pode ser uma decepção ou uma alegria, era o bilhete que eu ia comprar, mas ele trouxe pra mim. Tenho que apreciar cada momento, independente do resultado final do bilhete, a cada descoberta tem uma nova emoção.

Pri

Nenhum comentário:

Postar um comentário