segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Eu sinto frio, sempre senti bastante frio, ultimamente percebi que estou gostando bem mais do verão, mas isso não quer dizer que eu não saiba apreciar um belo dia nublado, geladinho...
Mesmo de jaqueta, bota e lenço, ainda sinto frio... mas é engraçado que quando estamos juntos, quando estou despida com você, mesmo com o frio da cidade lá fora, me sinto aquecida, aquecida por você, por seu carinho, por seu corpo... já te falei como você é quentinho? Já, né? Inúmeras vezes. Seu calor me aquece.
Mas agora eu sinto frio. 
Estou com meu moletom quentinho, touca, pantufas, mas sinto frio. Sinto sua falta. De tanto me segurar para não falar com você, uma lágrima se forma, chamando outras para descer pelo meu rosto. Estou arrepiada. Quero sentir o seu calor passando pela minha pele, quero sentir essa sensação de estar aninhada em você, sentir o calor do seu peito, o conforto do seu colo.
Está tarde, você deve estar dormindo.
Sonha comigo? Por favor, sonha comigo esta noite e acorde sentindo minha falta, diz que vai me ver no final de semana, que está com saudade, vamos ver um filme juntinhos e tomar cerveja.
Se isso não acontecer, vou esperar que ao menos o sol amanhã apareça e me aqueça o suficiente para não sentir sua falta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário